Na filmagem, um avião voa rasante sobre o riacho, na terra indígena e despeja uma carga de agrotóxicos sobre a água.

MS – Fazendeiros atacam indígenas de Tey’i Jusu com agrotóxicos

“Debaixo do veneno, crianças, velhos, pessoas da etnia indígena Kaiowa que tentam viver sua cultura e plantar seu alimento em paz sobre seu território ancestral”.

Em Correio do Brasil

Uma nova denúncia, desta vez filmada por um líder indígena, mostra ação de supostos fazendeiros da região de Caarapó, no Mato Grosso do Sul, pela expulsão das famílias que permanecem no acampamento Tey’i Jusu, da etnia Kaiowá. De acordo com a filmagem “fazendeiros da região despejam agrotóxico sobre as famílias”. (mais…)

Ler Mais

agrotoxico

Estudo aponta subnotificação de mortes por agrotóxicos

Por Graça Portela e Raíza Tourinho (Icict/Fiocruz) – EcoDebate

Ao analisar os óbitos decorrentes de intoxicações ocupacionais por agrotóxicos, registrados pelo Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM), do Ministério da Saúde, a pesquisadora do Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnologia em Saúde (Icict/Fiocruz) e coordenadora do Sistema Nacional de Informações Tóxico-Farmacológicas (Sinitox), Rosany Bochner, trouxe à tona um problema grave de saúde pública: a subnotificação ou notificação irregular dos óbitos causados por esses agravos, fato que acaba dificultando não só as pesquisas como também as notificações judiciais contra as empresas produtoras de agrotóxicos. (mais…)

Ler Mais

dossie agrotoxicos

“A pauta dos agrotóxicos tem sido estratégica para uma nova forma de pensar, produzir conhecimento e atuar no campo da Saúde Coletiva”

Confira a entrevista na íntegra de Marcelo Firpo, coordenador do GTSA/Abrasco, sobre o Dossiê e a construção de uma nova agenda no campo

Abrasco

Engenheiro de produção, psicólogo, Marcelo Firpo de Souza Porto é pesquisador do Centro de Estudos da Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (CESTEH/ENSP/Fiocruz) e coordenador do Grupo Temático Saúde e Ambiente (GTSA/Abrasco). Perguntado sobre o papel do Dossiê Abrasco no debate social para a matéria Dossiê Abrasco no centro dos debates e ações no dia internacional de luta contra os agrotóxicos, Firpo ressaltou que a obra trouxe novas formas de articulação política e científica da Abrasco: “A pauta dos agrotóxicos tem sido estratégica para uma nova forma de pensar, produzir conhecimento e atuar no campo da Saúde Coletiva”. Leia abaixo a entrevista na íntegra: (mais…)

Ler Mais

Manifestantes e atores mobilizam a sociedade na Praça do Diário, no Recife, no último dia 03/12 - Foto: Campanha Permanente contra os Agrotóxicos e Pela Vida

Dossiê Abrasco no centro dos debates e ações no dia internacional de luta contra os agrotóxicos

Celebrado em 03/12, data proporcionou de mobilizações de rua a audiências públicas. Especialistas em Saúde Coletiva e Agroecologia abordam crescimento da consciência política e científica atingida com a obra

Por Bruno C. Dias, Abrasco

Com atividades realizadas em mais de 20 cidades e no Distrito Federal, militantes, pesquisadores e ativistas da Saúde Coletiva, da Agroecologia e dos movimentos ligados à terra e ao consumo foram às ruas e aos debates se manifestarem contra o uso desenfreado dos agrotóxicos e a favor de  incentivos a outros modelos de desenvolvimento e formas de produção e por um posicionamento firme do governo federa, pela aprovação do Programa Nacional de Redução de Agrotóxicos (Pronara). Mais uma vez, o Dossiê Abrasco serviu de catalisador e de agente mobilizador de boa parte dessas atividades, mostrando o papel da ciência quando comprometida com a sociedade e com outras formas de viver e de produzir distintas das apregoadas pelas grandes empresas.

Pesquisadores da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), do Instituto Nacional do Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA), procuradores do Ministério Público e ativistas da Campanha Permanente contra os Agrotóxicos e Pela Vida estiveram presentes em uma audiência pública realizada na Câmara dos Deputados na manhã do dia 03. Do time de autores do Dossiê Abrasco, participou Fernando Carneiro, atualmente na direção da Fiocruz Ceará, e Marcia Scarpa, do INCA. (mais…)

Ler Mais

deolhoaberto400x500

A liberdade haverá!

Agente da Campanha da CPT de Prevenção e Combate ao Trabalho Escravo relata caso em que dois irmãos foram resgatados em situação de trabalho escravo em fazenda no estado de Tocantins. Um dos trabalhadores, meses após o acontecido, continua tratamento por conta de intoxicação que adquiriu durante trabalho com agrotóxicos. Confira:

Por Evandro Rodrigues*,  na CPT

“Foi numa quinta-feira feira, dia 05 de fevereiro de 2015, na fazenda São Lucas, município de Muricilândia, no Tocantins, onde os fiscais do trabalho e um procurador nos libertou. Nos tirou daquela fazenda onde éramos humilhados pelo patrão e seu filho”, relata trabalhador. “Pobre nasceu para ser pobre e rico para ser rico”. Era o que eles [“patrões”] costumavam dizer quando a gente pedia dinheiro para comprar carne. Essas são lembranças de dois irmãos resgatados em situação de trabalho escravo. (mais…)

Ler Mais

dengue

ABCD usa agrotóxico no combate ao mosquito transmissor da dengue

Malathion havia sido trocado por outros inseticidas, mas produto voltou a ser usado

Claudia Mayara – ABCD Maior

O funcionário veste roupa especial e a cada casa ou quintal em que entra usa o equipamento que leva nas costas para pulverizar o malathion, um agrotóxico potente, usado há quatro anos no Brasil para matar o Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue. No ABCD, a cena se repete desde 2013, toda vez que as prefeituras registram algum caso autóctone (quando a doença é contraída dentro do município) e a nebulização é feita nas imediações da residência da vítima. Neste ano, até agosto, foram mais de 6,9 mil casos autóctones na Região. (mais…)

Ler Mais

agricultura climatica

Clima: problema verdadero, falsas soluciones – 4. Agricultura Climáticamente Inteligente

La Vía Campesina

4. Agricultura Climáticamente Inteligente

El 23 de septiembre del 2014, en la cumbre de la ONU sobre el clima convocada por Ban Ki-moon en Nueva York, la FAO y el Banco Mundial lanzaron la Alianza Global para la Agricultura Climáticamente Inteligente. Esto debería permitir un incremento de la producción agrícola, el fortalecimiento de la resistencia de los sistemas agricolas y la reducción de las emisiones de gases de efecto invernadero, ¡todo de un solo tiro! De esta manera se resolverían tres de los grandes desafíos a los cuales nos enfrentamos: alimentar a la población mundial, la lucha contra el cambio climático y garantizar la sostenibilidad de los sistemas agrícolas. (mais…)

Ler Mais

caveirinha

Manifestações pelo país marcarão Dia Mundial de Luta Contra os Agrotóxicos

Atraso no lançamento de programa para redução de agrotóxicos e novo projeto de lei sinalizam que uso de venenos agrícolas pode aumentar ainda mais no Brasil

Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela Vida

O dia 3 de dezembro é lembrado no mundo inteiro como dia internacional de luta contra os agrotóxicos. A data se refere à tragédia de Bhopal, na Índia, quando uma fábrica de agrotóxicos explodiu em 1984, matando cerca de 20 mil pessoas, e deixando centenas de milhares feridas e com sequelas. (mais…)

Ler Mais

LATUFF latifundio campones

Divulgada Carta Política da 5ª Conferência Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional

Nestes tempos de Ministério do Agronegócio, a soberania alimentar é um dos pontos fundamentais de luta. Por isso, divulgar a Carta Política da Conferência é importante. E igualmente importante é chamar a atenção para o discurso corajoso de Maria Emília Pacheco Lisboa, presidente do Consea, na abertura do evento. Seguem abaixo, pois, uma breve notícia institucional, com link para a Carta Política e, no final, a íntegra do discurso, pronunciado ante a Presidenta da República e outras autoridades. Boa leitura (Tania Pacheco).

*

A Carta Política da 5ª Conferência Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional, realizada em Brasília, de 3 a 6 de novembro, acaba de ser divulgada na página oficial do Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (Consea) na internet (AQUI).

O documento contém 8 páginas e 29 itens em torno do lema do encontro – Comida de verdade no campo e na cidade, por direitos e soberania alimentar. A Carta aborda as dimensões socioculturais da segurança alimentar e nutricional “para aproximar a produção e o consumo de alimentos; estabelecer pontes entre rural e urbano e valorizar a agrobiodiversidade e os alimentos in natura e regionais”. (mais…)

Ler Mais

via campesina agrocombustiveis

Clima: problema verdadero, falsas soluciones – 2. Agrocombustibles

La Vía Campesina

2. Los agrocombustibles – Otra de las soluciones que promove el capitalismo verde.

Los promotores de falsas soluciones los llaman «bio» combustibles. Se trata de una producción que tendría el gran mérito de reducir la dependencia del petróleo y, por lo tanto, sus emisiones de gas con efecto invernadero, generando energía a base vegetales, un recurso que se presenta como ilimitado, hay diferencia de las energías fósiles! (mais…)

Ler Mais